Jovem Mãe Quase Morre em uma Dieta baixa em carboidratos

Seguir uma rigorosa dieta low-carb durante a amamentação pode mesmo apresentar um potencial risco de vida?

MailOnline: Jovem mãe quase morre em uma dieta baixa em carboidratos: condição com risco de vida se desenvolveu aos 32 anos de idade […] durante a amamentação

Isso parece ser extremamente raro, apenas quatro casos publicados em todos os tempos, todas os quais terminaram bem.  Aparentemente é possível desenvolver cetoacidose durante a amamentação em uma rigorosa dieta baixa em carboidratos. A mesma coisa pode acontecer devido à fome.

Não faça uma rigorosa dieta low-carb quando estiver amamentando, certifique-se de comer o suficiente.

Correção

Note que o fim do artigo Mail Online é enganoso. Normalmente não há necessidade de “ver um médico imediatamente” se a respiração começar a ter cheiro de acetona em uma dieta low-carb . Isso é um sinal comum e normal de Cetose, o que é completamente seguro em circunstâncias normais (a menos que você seja um diabético tipo 1, então isso sinaliza que precisa de mais insulina).

No entanto, quando se está amamentando, é melhor não seguir uma dieta low-carb tão rigorosa a ponto de você obter este cheiro. Siga uma dieta baixa em carboidrato mais moderado (não há necessidade de ser uma alimentação cetogênica durante a amamentação), um mínimo de 50 gramas de carboidratos por dia já é o suficiente.

E certifique-se de comer o suficiente. Não vale a pena correr qualquer risco de saúde para perder peso mais rápido.

Mais

Recentemente, eu escrevi mais extensivamente sobre o raro risco de cetoacidose ao amamentar em uma rigorosa dieta low-carb:

Amamentação em uma dieta low-carb é perigoso?

Post Author
Admin Spar
Hugo Klemar é o autor de um best-seller de saúde na Amazon.com, INTESTINO: O SEU SEGUNDO CÉREBRO, bem como a Coleção CULINÁRIA QUE EMAGRECE com 5 volumes e o e-book de saúde e fitness COMO NÃO EMAGRECER, que já venderam milhares de unidades por todo o mundo.